Bruna Viola se emociona ao lembrar de Inezita Barroso em lançamento de DVD

Musa sertaneja revisita clássicos e reinventa a roda da música sertaneja de raiz em primeiro registro ao vivo; assista ao making of com exclusividade!

Bruna Viola é uma preciosidade que a música nacional experimenta em tempos de sucesso do sertanejo universitário. Com o lançamento do DVD “Melodias do Sertão” nesta sexta-feira, 8/7, a Flor Matogrossense (apelido que ganhou dos fãs) abre caminho para levar sua viola caipira para a cidade. “Com três aninhos anos eu frequentava a fazenda do meu bisavô, que foi minha grande influência para ouvir música raiz, e eu já montava e ia pro pasto com ele e seus peões”, fala a menina cuiabana de 23 anos, revelando suas origens em making of do DVD cedido com exclusividade (assista no vídeo acima).

Gravado em março deste ano, o DVD ressalta o talento de Bruna com a viola caipira e foge do repertório comercial instantâneo do gênero. O registro valoriza influências da cantora como Tião Carreiro e Pardinho e, principalmente, Inezita Barroso, que ganha depoimento emocionado da jovem.

“Ela foi a primeira mulher em cenário nacional tocando viola caipira com a ‘Moda da Pinga’, que inclusive regravei”, fala Bruna com a voz embargada em homenagem a sua maior referência feminina na música raiz. “Proseava demais quando encontrava a saudosa Inezita. Às vezes, assistindo alguns vídeos lembro dela”, fala, sem controlar o choro de reverência e responsabilidade de colocar a viola caipira na roda do sertanejo pop.

Bruna Viola conta que tem coleção com 50 pares de botas

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

E não há dúvidas de que Inezita se orgulha de sua discípula. Ao empunhar com habilidade e dinâmica instrumento tão masculino, Bruna faz seu trabalho saltar aos olhos e ganha um mercado em potencial por ser exceção. O DVD “Melodias do Sertão’” é o marco da carreira da menina que já enchia a mãe Ana Mara de orgulho quando começou a tocar viola aos 11 anos de idade. “Quando eu subia no palco, minha mãe ficava mais nervosa que eu”, lembra a musa dos tempos de criança em que a maior preocupação era diversão, mas já tocava como gente grande.

O repertório do lançamento reforça a versatilidade de Bruna. Há espaço para os sucessos do disco de estreia “Sem Fronteiras” (2015) (“No Ponteio da Viola”, “Espero mais” e “Flor Matogrossense”) em meio a clássicos da música raiz, como “Rio de Lágrimas”, de Tião Carreiro & Pardinho, em que Bruna ganha companhia da dupla César Menotti & Fabiano.

Confira com exclusividade Bruna Viola e César Menotti & Fabiano em “Rio de Lágrimas”:

Veja matéria completa

Voltar